Humor | Psicanálise em Trânsito: Na Cultura

Psicanálise em Trânsito: na Cultura
2. Humor

Apresentamos mais uma entrevista do eixo cultura, que é parte do projeto da Diretoria de Comunidade e Cultura – FEPAL.

O que une esta série de entrevistas é o “estar em trânsito”. E com vocês: Humor em trânsito

Nessa conversa descontraída com profissionais do humor gráfico (caricaturistas e chargistas), encontramos definições preciosas. Humor é “a desconstrução do óbvio”(Camilo Riani), é “a busca pelo absurdo” (Cintia Bolio), é “expor o ridículo das pessoas, dos cargos e das instituições” (Fernando Carvall). O riso, “assim como a música, instaura um contato íntimo e duradouro com o público” (Eduardo Baptistão). Eis o ponto de contato da psicanálise com o humor: “o local onde o absurdo é factível — como no sonho, na loucura e na arte” (Camilo Riani).

Esperamos, a partir desses diálogos, refletir sobre as Transitoriedades/Incertezas, que é o tema do congresso Fepal/2022.

Sociedad Iberoaméricana de Salud Mental en Internet

Código de Ética de SISMI

Federación Psicoanalítica de América Latina.
Está en conformidad con el Código de Ética de SISMI
Nº de Acreditación: 54079 | Fecha de Acreditación: 2 de Septiembre de 2011

SEDE PERMANENTE

LUIS B. CAVIA 2640 APTO. 603
MONTEVIDEO 11300, URUGUAY
INFO@FEPAL.ORG
TEL. / FAX: (598 2) 707 5026
WhatsApp: +598 92 19 19 99

Leia Mais
Encontro de Institutos – Comunicação Nº4
X