Dia do Trabalho

Apresentamos uma pequena amostra do “trabalho” refletida através da arte do artista mexicano, Diego Rivera, um dos maiores representantes do muralismo mexicano.

  • “The Uprising”, um quadro de Diego Rivera (1931), retrata a resistência dos trabalhadores ao longo da história. O confronto aqui descrito é um poderoso símbolo universal da luta de classes.
  • Em 1932, Diego Rivera decorou as paredes do pátio interior do Instituto de Artes de Detroit (DIA). O trabalho foi financiado por Edsel Ford, filho do fundador da Ford Motor Company. O muralista mexicano decidiu portanto imortalizar o trabalho da indústria automóvel, mas do ponto de vista dos trabalhadores, porque para Rivera, eles eram o verdadeiro motor da indústria.
  • Em “El cargador de flores” (“The Flower Loader”, 1935), Rivera mostra um camponês carregando um pesado cesto de flores. Ao seu lado está uma mulher que o tenta ajudar. A obra contém assim dois dos temas mais frequentes que caracterizam o trabalho do artista: os trabalhadores e o tema agrário.

Sociedad Iberoaméricana de Salud Mental en Internet

Código de Ética de SISMI

Federación Psicoanalítica de América Latina.
Está en conformidad con el Código de Ética de SISMI
Nº de Acreditación: 54079 | Fecha de Acreditación: 2 de Septiembre de 2011

SEDE PERMANENTE

LUIS B. CAVIA 2640 APTO. 603
MONTEVIDEO 11300, URUGUAY
INFO@FEPAL.ORG
TEL. / FAX: (598 2) 707 5026
WhatsApp: +598 92 19 19 99

Leia Mais
Carnaval que fala de pertencimento, representatividade e respeito à diversidade
X